quinta-feira, 20 de agosto de 2015


Revolução

Miséria, moradias sem condições
Desemprego, perda de valores
Poucas escolas, muitas prisões...

Doenças, mortes estúpidas por balas perdidas
Violência, abandono e marginalização
Violência contra a mulher, contra o homossexual

Violência contra o idoso, contra a criança
Violência contra o índio, contra o mendigo
Violência racial

Preconceitos muita ignorância
A contra-violência é à solução

Desligue a televisão
Levanta-se deste sofá que o está deixando doente
Vem fazer a revolução!

Mais escolas é o que queremos
Jovens de mentes sãs
Exercícios da educação

Nossa cultura tem seu valor
Chega de submissão e alienação

Mais emprego é o que precisamos
Salário mínimo, como reza a Constituição
Das horas trabalhadas, diminuição

Transportes coletivos digno
Saúde, ante a doença, só com prevenção 

Vem à hora é agora
Desligue a televisão
Vamos juntos fazer a revolução

Poema de João Crispim Victorio
Extraído do livro: Sobre o Trabalho que Falo...
20 de agosto de 2015.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E.M. Medalhista Diego Hipólito Conversando Sobre Índio Poesias Indígenas na Escola Trabalho realizado com alunos do 9º Ano  ...